Crimes Que Entraram para a História: Príncipe Dipendra

Um motivo banal. Um crime que é difícil compreender. Soma-se a isso alguns goles de whisky e temos um massacre. Quase todos os membros da família real do Nepal...

Um motivo banal. Um crime que é difícil compreender. Soma-se a isso alguns goles de whisky e temos um massacre. Quase todos os membros da família real do Nepal morreram no dia primeiro de junho de 2001 em um tiroteio no palácio real Narayanhiti.

Tudo começou de forma banal: uma discussão entre o príncipe herdeiro Dipendra e sua mãe, a rainha Aiswarya. Ela não gostou da noiva que o filho escolhera e queria impedir o casamento. Teve início uma tragédia sem proporções.

Dipendra enlouqueceu, vestido com vestimentas militares e armado com uma sacola de armas, incluindo sua submetralhadora UZI e um fuzil de assalto começou a disparar contra todos os seus familiares, inclusive o rei Birendra. Foram assassinados seu pai (rei Birendra), sua mãe, a rainha Aishwarya, dois irmãos (o Príncipe Nirajan e a Princesa Shruti), dois tios, duas tias e uma prima. Depois apontou a arma contra sua cabeça e atirou.

Birendra, 55 anos, começou a reinar em 1972. Foi derrubado em 1990 por um golpe militar, reassumindo o cargo como monarca constitucional.

O irmão do rei, o príncipe Gyanendra, é atualmente o novo rei e procura conter os guerrilheiros e arrumar a casa, ainda abalada pelo massacre.

A Pivô do Massacre: Devyani Rana, vetada pela rainha para se casar com o príncipe por ser sobrinha de marajá indiano e filha de Pashupati SJB Rana, do poderoso clã rival Rana.

Príncipe Dipendra (1971-2001). Após assassinar toda sua família e de dar um tiro contra a própria cabeça, Dipendra foi declarado Rei do Nepal ainda na UTI do hospital. Posto que ocupou por 3 dias (tempo em que permaneceu em coma) até sua morte cerebral.

Príncipe Nirajan (1977-2001), irmão mais novo do Príncipe Dipendra. Implorou para que o irmão não matasse sua mãe: "Atire em mim, não nela !". Dipendra matou os dois. O Príncipe Nirajan era um dos poucos na família Real que apoiavam o irmão no casamento com Devyani.

Autoritária e zelosa pelos costumes tradicionais. A rainha Aishwarya (1949-2001) ameaçou passar a coroa para o filho mais novo caso Dipendra levasse adiante o casamento com Devyani. Seu rosto ficou destruído pelas balas. Foi reconhecida pelas vestimentas que usava.

"O Que Você está fazendo ?" Disse o Rei Birendra (1945-2001) ao seu filho quando este invadiu a sala de jantar e deu um tiro a esmo. O Rei teve seu corpo cravejado de balas.

O Jovem Príncipe e futuro Rei Birendra (à esquerda) junto a seu irmão, o príncipe Dhirendra (à direita) na Inglaterra nos anos 60. "Baba, você já fez estrago o suficiente", disse o irmão do Rei, príncipe Dhirendra antes de ser atingido pela segunda vez por seu sobrinho.

Príncipe Paras Shah, a "Ovelha Negra" da família real. Filho do atual Rei Gyanendra, era odiado pelos Nepaleses. Arruaceiro e companheiro de farras do seu primo Dipendra, em uma de suas noitadas atropelou e matou 4 pessoas incluindo o cantor mais popular do Nepal. Por ser um príncipe goza de imunidade total. Virou héroi nacional ao esconder debaixo da mesa 4 crianças na noite do massacre no palácio Real. "Chegamos ao palácio pouco depois das 19:30, cerca de 19:40. Todo mundo tinha chegado. Mamãe, eu, irmã e Himani (esposa), eu estava um pouco atrasado. O príncipe (Dipendra) tinha a cara que já tinha tomado alguns coquetéis. Ele perguntou o que você gostaria? Eu disse uma Coca-Cola. Estou bebendo whisky, disse ele. Ele estava bem até aquele momento, mas parecia embriagado. Quando eu perguntei o que aconteceu, ele disse: "Nós estivemos discutindo o casamento. Falei com mua (a Rainha Aishwarya) e com Afumuma (Rainha Mãe), ambas disseram que não."

A família Real Nepalesa. Anos depois, Dipendra (à esquerda) assassinaria todos.

Cronologia do Massacre

O Príncipe Herdeiro começou a noite cumprimentando seus convidados, incluindo seu pai, o Rei Birendra, sua mãe, a Rainha Aishwarya, sua irmã, a Príncesa Sruti, e seu irmão mais novo, Príncipe Nirajan. Serviu bebidas aos seus tios e primos antes de se retirar para o seu quarto. Em um hora, todos seriam mortos.

19:57 Membros da família real nepalesa se reúnem no Palácio Narayanhity para um jantar.

20:38 Dipendra fala ao telefone com sua namorada, Devyani, pela última vez. Ela diz que está preocupada com ele.

20:41 Dipendra troca de roupa, veste um uniforme militar e amarra suas botas. Ele apanha uma pistola, um rifle e uma metralhadora do armário de armas em seu quarto.

20:49 O Príncipe Herdeiro Dipendra, carregando uma sacola preta cheia com as armas e munição, marcha através dos salões do palácio. Ele se ajoelha e pega duas armas antes de entrar no salão de jantar empunhando-as. Ele atira várias vezes contra seu pai, até que os convidados percebem o que está acontecendo. O Rei fica ferido, mas não morre na hora.

20:50 Dipendra se retira, escolhe uma M-16 e uma pistola e volta ao aposento. Ele atira no irmão do Rei, Príncipe Dhirendra, à queima-roupa, quando este tenta interferir. Em seguida, ele alveja seu tio, sua tia e seu cunhado.

20:51 A segurança do palácio é avisada, enquanto Dipendra se volta contra sua irmã mais nova, atirando nela e em outros membros da família. O Rei, ferido, atira em Dipendra na tentativa de acabar com a violência. O Príncipe é interpelado por sua irmã, Princesa Shoba, que se torna sua próxima vítima. Dipendra assegura que seu pai não irá mais desafia-lo cravando-o de balas.

20:54 Enquanto os sobreviventes são resgatados, a Rainha Aiswarya persegue Dipendra até seus aposentos, seguida por seu filho mais novo, Nirajan. Dipendra atira em seu irmão, cravando seu corpo de balas, e então atira em sua mãe pelas costas quando ela tenta escapar.

20:56 Dipendra segura a pistola com sua mão esquerda e dispara um único tiro contra sua cabeça.

Fonte da Cronologia : DiscoveryBrasil


———————————————————————————————————

"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz." (Platão)
Deixe o seu comentario:
  • http://www.levelgamed.com Lucas Adonai

    Acho que nunca irei esquecer este nome “Príncipe Dipendra “

  • Robson

    Pessoa fraca, pobre de espírito. Com certeza pagará pelos seus pecados lá do outro lado.

  • Robson

    Pessoa fraca, pobre de espírito. Com certeza pagará pelos seus pecados lá do outro lado.

  • Tiça

    pq claro, faz total sentido ele matar a familia e depois se matar, além de não conseguir o que queria (casar com a 
    Devyani) ele ainda destriu a vida da família inteira, parabéns campeão, sua lógica foi genial

DarkSide Books

RELACIONADOS

Dupla Identidade – Bruno Gagliasso

Glória Perez

Ilana Casoy

OAV TV

OAV TV

Queremos Você!

Queremos Você!

Siga-nos no Twitter

Siga-nos no Facebook!

21 Anos de Arquivo-X

20 Anos da Execução de Andrei Chikatilo

20 Anos da Execução de John Wayne Gacy

O nascimento de um serial killer

Categorias

Contribua com O Aprendiz Verde!

Bate-Papo

Blogs Brasil

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers