Grandes Bandas De Rock Que Não Voltam Mais: Bandas de Art Rock, Barroco & Light Classical

Procol Harum The Paramounts foi uma banda de rhythm & blues que gravou uma série de compactos entre 1963-1965, tendo apenas um hit com “Poison Ivy” (cover de The...
Grandes Bandas de Rock


Procol Harum

The Paramounts foi uma banda de rhythm & blues que gravou uma série de compactos entre 1963-1965, tendo apenas um hit com “Poison Ivy” (cover de The Coasters). Quatro músicos dos Paramounts, Gary Brooker, B.J. Wilson, Chris Copping e Robin Trower entraram na formação do Procol Harum para a gravação de seu primeiro álbum, homônimo, depois do enorme sucesso de “Whiter Shade of Pale”, que Gary Brooker havia gravado com um grupo de estúdio, que incluía Matthew Fisher.

Com Brooker, Fisher, Wilson, Copping, Trower, mais o letrista Keith Reid, o Procol Harum inaugurou um gênero novo, que misturava música barroca e rock, que depois do primeiro álbum, de média qualidade, gravou dois álbuns excelentes: Shine On Brightly (1968) e A Salty Dog (1969), seguidos de outros três muito bons:

  • Home (1970),
  • Broken Barricades (1971) e
  • Procol Harum In Concert With The Edmonton Symphony Orchestra (1972).

Com a saída de Robin Trower, a banda entrou em franco declínio, gravando aind, depois de Procol Harum In Concert …, outros quatro álbuns desapontadores.

Áudios

Whiter Shade of Pale

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Homburg

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Conquistador

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Vídeos

A Whiter Shade Of Pale ao vivo na BBC de Londres. Veja aqui.

Pandora’s Box. Veja aqui.


Procol Harum

Roxy Music

Banda inglesa formada em novembro de 1970, em volta de Bryan Ferry (vocais e teclados), onde se destacavam, também, Brian Eno, Andy Mackay e Phil Manzanera que, com o baixista e baterista originais do grupo, Graham Simpson e Paul Thompson, gravaram seu álbum de estréia, homônimo, editado em 1972 pela Island, com produção de Peter Sinfield (King Crimson).

O som diferente do Roxy Music, um ponto de fusão único entre avant-garde, pop tradicional chic, ao estilo Cole Porter, e glitter rock, casava-se perfeitamente com sua imagem excêntrica: maquiagem, roupas de lamé em cortes tradicionais, sapatos com saltos-plataforma e brilhos. Elegância camp e nostalgia, rock futurista na forma e retrô na aparência, nada poderia se assemelhar ao Roxy Music até então.

A formação do grupo não era fixa, em cada disco tocava um baixista diferente, porém, isso não afetou a criatividade da banda. Brian Eno saiu depois da edição do segundo álbum, For Your Pleasure (1973). Eddie Jobson tocou violino e sintetizador em Stranded (1973). O lendário baixista John Gustafson (ex Big Three, ex Merseybeats) também tocou em Stranded. Siren (1975), foi o último álbum da primeira fase do Roxy Music e apesar do sucesso de “Love Is The Drug”, a banda não teve fôlego para prosseguir. Os músicos seguiram suas carreiras separados. Bryan Ferry deu-se bem solo, editando discos sempre interessantes, mas sem a ousadia do Roxy Music, que chegou a reunir-se algumas vezes, com sucesso.

Sex Pistols, The Smiths, The Cars, Siouxsie and the Banshees, Depeche Mode, Spandau Ballet, Duran Duran, foram algumas das inúmeras bandas surgidas posteriormente que citaram o Roxy Music como grande influência.

Áudios

Love Is The Drug

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

More Than This

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Jealous Guy

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Vídeos

Love is The Drug. Veja aqui.

Love is The Drug ao vivo. Veja aqui.

Avalon. Veja aqui.


Roxy Music



Bryan Ferry - Roxy Music. O Roxy Music acabou em 1983 e Bryan foi o membro que mais teve sucesso na carreira solo. São seus os megasucessos dos anos 80 "Slave To Love" e "Let's Stick Together". Na foto à direita, Bryan e sua namorada, a modelo Jerry Hall. Jerry Hall abandonou Bryan em 1977 para se casar com o astro dos Rolling Stones, Mick Jagger. O casamento dos dois durou mais de 20 anos e acabou quando a brasileira Luciana Gimenez apareceu grávida de Mick.



Brian Eno - Roxy Music. Brian Eno estudou na Escola de Arte Colchester Institue em Essex, Inglaterra. Ficou famoso pelo uso de sintetizadores em seus diversos trabalhos e por um dos responsáveis pelo desenvolvimento da "ambient music" (gênero musical que incorpora jazz, música eletrônica, new age, música clássica, dentre outros). Produziu diversos discos do U2 além de compor várias trilhas sonoras para grandes filmes de Hollywood.

The  Moody Blues

Banda formada nos anos 60, em Birmigham, Inglaterra, com dois sérios problemas: primeiro, a falta de imagem; segundo, a falta de direção. A princípio, desejando ser uma banda de rhythm & blues, tiveram um hit em 1965, com um cover de Bessie Banks, “Go Now”. Talvez por lhe faltar o apelo visual, o grupo foi incapaz de se estabelecer e, depois de uma série de compatos fracassados, mudaram o line-up, com a saída de Denny Laine (mais tarde nos Wings com Paul McCartney) e Clint Warwick. Entraram, Justin Wayward e John Lodge que, unidos aos músicos remanescentes, Graeme Edge, Mike Pinder e Ray Thomas, mudaram radicalmente a direção musical do grupo, partindo para uma fusão de rock/pop com música clássica ligeira (light classical), com recursos eletrônicos e orquestrais.

O primeiro álbum da nova fase, Days of Future Passed, saiu no final de 1967, e uma música tirada desse álbum, “Nights In White Satin”, editada como compacto, foi um dos maiores sucessos de 1968.

Em seguida, os Moody Blues editaram uma série de seis álbuns, repetindo a fórmula descoberta em Days of Future Passed, que tiveram uma surpreendente aceitação comercial, tornando-se todos discos de ouro:

  • In Search of The Lost Chord (1968)
  • On The Threshold o A Dream (1969)
  • To Our’s Clindren’s Children’s Children (1969)
  • A Question of Balance (1970)
  • Every Good Boy Deserves A Favour (1971)
  • The Seventh Soujourn (1972)

Com apresentações de tirar o folêgo e o seu característico som orquestral, misturado à música clássica ligeira, os Moody Blues tomaram de assalto a cena musical do final dos anos 60 e começo dos 70. Com o sucesso, a banda fundou seu próprio selo, Threshold, vindo a se separar em 1974 para realização de projetos solo dos seus integrantes. Reuniram-se novamente em 1977, porém sem a mesma inspiração de antes. Apesar de permanecerem juntos nos negócios, dizem que os membros da banda se odeiam a ponto de, há décadas, somente conversarem através de advogados.

Áudios

For My Lady

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Nights In White Satin 

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

The Story In Your Eyes

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Vídeos

Night’s In White Satin ao vivo. Veja aqui.

Tuesday Afternoo ao vivo em 1970. Veja aqui.


The Moody Blues

Velvet Underground

Os três primeiros álbuns do Velvet Underground,

  • The Velvet Underground And Nico Produced By Andy Warhol (1967);
  • White Light/White Heat (1967);
  • The Velvet Underground (1969).

formam o corpo do art rock, a origem das experimentações nesse específico nível da arte e do rock feitas nas décadas seguintes. Esses discos continuam, até hoje, sendo a mais importante cartilha para bandas que se dedicam à experimentação.

O Velvet Underground foi formado em 1964 por Lou Reed e John Cale, em Nova York. Posteriormente Sterling Morrison e Mo Tucker aderiram à banda, época em que ficaram sob a asa do artista plástico Andy Warhol, que incluiu a banda em seu media show, chamado Exploding Plastic Inevitable, exibido em 1966. Warhol somou à banda sua protegida Nico, uma modelo alemã que havia feito filmes na Europa e, também, estrelado seus filmes experimentais. Além disso, Andy Warhol negociou um contrato da banda com a MGM, vindo a criar a clássica capa do seu primeiro álbum.

A música de John Cale tinha compromisso com o avant-garde da música erudita. Com sua completa formação européia, Cale que era galês, chegou à América através de Leonard Bernstein e tinha intensa afinidade com a chanteuse Nico. Lou Reed, no entanto, vindo de bandas de rock de Long Island, tinha os pés fincados no rock e no pop, e sendo um arguto observador da vida urbana de Nova York, com paixão pelo submundo, criou fascinantes instantâneos do que ocorria no underground da Big Apple.

Velvet Underground é considerada uma das mais influentes bandas de toda história do rock. Seu som influenciou desde movimentos futuros (como o rock alternativo, grunge) até grandes bandas: The Strokes, R.E.M., David Bowie, Beck, Pixies, The Cars, dentre outros. Todos os seus 4 discos estão na lista da revista Rolling Stone dos 500 maiores álbus da história do rock. A mesma revista elegeu a banda na posição 19 dos maiores artistas de todos os tempos.

Nico e Cale seguiram suas carreiras na Europa nos anos 70, meio acidentadas, comprometidas pelo uso abusivo de heroína. Lou Reed carregou suas obsessões e seu som hipnótico pelos anos 70, editando clássicos como Trasformer e Berlin. De inúmeras formas Lou é considerado um sobrevivente, e décadas depois ainda é capaz de surpreender com discos e shows da melhor qualidade.

Em 1996, o Velvet Underground foi induzido para o Hall da Fama do Rock’ N’ Roll.

Áudios

Rock And Roll

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

After Hours

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

I’m Waiting For The Man

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Vídeos

Venus In Fire. Veja aqui.

Femme Fatalle. Veja aqui.

A clássica capa do álbum "The Velvet Underground & Nico" feita pelo artista plástico Andy Warhol. O álbum está na posição 13 dos 500 maiores álbuns da história do rock feita pela Revista Rolling Stone.



Velvet Underground



Velvet Underground - Lou Reed & Nico


Andy Warhol & Nico. Andy Warhol é conhecido por ser o maior expoente do "pop art". Ganhou grande notoriedade nos ano 50 e 60 através dos seus trabalhos publicitários.



Nico - Velvet Underground. Andy Warhol forçou a entrada de sua protegida Nico à banda em 1967. Houve resistência por parte da banda mas ela acabou participando de 2 discos. Saiu logo após a gravação do álbum White Light/White Heat. Lançou 7 álbuns de estúdio. Em 18 de julho de 1988, andando de bicicleta na Ilha de Ibiza, Espanha, Nico sofreu um ataque cardíaco e caiu batendo sua cabeça em uma pedra. Morreu aos 49 anos de hemorragia cerebral.

——————————————————————————————————-

"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz." (Platão)
Deixe o seu comentario:
DarkSide Books

RELACIONADOS

Dupla Identidade – Bruno Gagliasso

Glória Perez

Ilana Casoy

OAV TV

OAV TV

Queremos Você!

Queremos Você!

Siga-nos no Twitter

Siga-nos no Facebook!

21 Anos de Arquivo-X

20 Anos da Execução de Andrei Chikatilo

20 Anos da Execução de John Wayne Gacy

O nascimento de um serial killer

Categories

Contribua com O Aprendiz Verde!

Bate-Papo

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers