Peter Kurten: A Cabeça de Um Serial Killer

Em 24 de maio de 1930 a polícia alemã prendeu um dos mais famosos serial killers do século 20, Peter Kürten, conhecido como “Vampiro de Düsseldorf”. Ele foi chamado...
A Cabeça de um Serial Killer

Em 24 de maio de 1930 a polícia alemã prendeu um dos mais famosos serial killers do século 20, Peter Kürten, conhecido como “Vampiro de Düsseldorf”.

Ele foi chamado de “o Rei dos pervertidos sexuais” por um dos psiquiatras que o examinou. E não era para menos. Sua perversão vinha desde a infância. Quando criança gostava de masturbar cachorros enquanto os torturava. Aos 13 anos seu comportamento atingiu um nível bestial: Ele começou a esfaquear bodes e ovelhas enquanto fazia sexo com eles. O contato com o sangue fazia o adolescente ter orgasmos.

Em 1899, aos 16 anos, começou sua onda de assassinatos estrangulando uma mulher durante o ato sexual. Passou os 30 anos seguintes matando a esmo. Logo sua fúria para saciar seu apetite sexual se estendeu a homens e mulheres.

Ele foi decapitado em 2 de julho de 1931 e teve sua cabeça mantida para estudos. Todos os cientistas da época queriam saber apenas uma coisa: O cérebro de Peter Kurten seria diferente do de pessoas normais?

Eles examinaram irregularidades no cérebro de Kurten na tentativa de explicar sua personalidade e comportamento. Sua cabeça foi dissecada e mumificada e atualmente está exposta no museu Ripley Believe It or Not! na cidade de Wisconsin Dells, estado de Wisconsin.

Quer saber qual o resultado do estudo do cérebro do Vampiro de Dusseldorf? Veja Abaixo:

Curta O Aprendiz Verde No Facebook

"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz." (Platão)
Deixe o seu comentario:
DarkSide Books

RELACIONADOS

OAV TV

OAV TV

Queremos você!

Queremos Você!

O Aprendiz Verde no WhatsApp!

OAV no Whatsapp

Siga-nos no Twitter

As últimas notícias

Categorias

Receba nosso conteúdo no WP
Receba nosso conteúdo no WP